segunda-feira, 26 de dezembro de 2016

Categorias:
, ,

Resenha: Homem de Ferro 3

Homem de Ferro 3 - Pôster nacionalTítulo Original: Iron Man 3

Título Nacional: Homem de Ferro 3

Direção: Shane Black

Gênero: Ação, aventura, ficção científica

Duração: 2h11min

Estreia: 26 de abril de 2013

 

 

 

 

 

 

Homem de Ferro 3 é um filme mais sério e sombrio que os outros dois da trilogia. Apesar de Homem de Ferro 2 ter sido mais dramático que o primeiro, ele ainda era mais fácil de assistir do que Homem de Ferro 3, que apresenta mais ação, mais destruição, mas também acaba com toda a leveza do personagem. De vez em quando tem as típicas piadas de Tony, mas elas não surtem o efeito de quebrar o gelo causado pelo filme.

O filme inteiro é feito com um tom muito sombrio, a começar pelos vídeos em que Mandarim aparece na televisão, que são extremamente realistas e assustadores, parecendo mesmo um terrorista de verdade.

O visual dos vilões que têm a substância também não é a mais agradável de se ver, já que eles são tão vermelhos que em alguns momentos parecem demoníacos.

A grande decepção de todos com esse filme é com o vilão Mandarim, que depois se mostrou apenas um disfarce. Eu não tive problemas com isso porque não li os quadrinhos, mas imagino o que os fãs devem ter sentido. De qualquer forma o que você vê é um desperdício de personagem, que poderia ser melhor utilizado. Me parece também que essa foi uma decisão tomada no meio da construção do roteiro por não saberem como acabar com Mandarim ou para dar mais ação ao filme, já que Mandarim é só um bandido comum, que não usa tecnologias para atacar o Homem de Ferro, como os vilões dos filmes anteriores. Com certeza não foi uma decisão inteligente porque ele quebra tudo o que foi feito antes. Eles passam metade do filme com ameaças assustadoras de Mandarim, para no fim de tudo quererem colocar humor no personagem de forma forçada. Se o filme começou tão sombrio, que terminasse sombrio. Dá para ver a falta de criatividade e um trabalho incompleto por parte dos roteiristas e do diretor.

Mas apesar do desperdício de Mandarim, o vilão principal é bem usado. E pelo menos, apesar desse tom sombrio que não me agradou, o filme teve mais ação que o anterior, e essas cenas ficaram muito boas. Mas como um todo Homem de Ferro 3 não é isso tudo, sendo só mais um filme na trilogia que não conseguiu ser tão bom quanto o primeiro.

Nota: